Compulsão Por Doces: Confira 3 Mitos E Verdades E Se Livre Dela De Vez!

Açúcares e carboidratos estão presentes na maioria das guloseimas, doces e sobremesas. Então, por isso, esses alimentos costumam ser vistos como vilões da saúde. Portanto, muitas pessoas decidem cortar abruptamente esses alimentos de suas dietas quando estão passando por  processos de emagrecimento.

Contudo, os açúcares e carboidratos são considerados como alimentos “viciantes” para o corpo humano. Pois estimulam a produção de hormônios responsáveis pela sensação de bem estar.

Então, isso prejudica quem não está acostumado a restrições alimentares, e o conhecido “efeito rebote” acaba acontecendo.

Além disso, o efeito rebote surge a partir da dinâmica entre as sensações de restrição e compulsão.

Ou seja, ao fazer uma restrição severa, o desejo por doces pode aumentar ainda mais!

Portanto, para evitar essa situação, você pode conferir algumas dicas e evitar certos mitos sobre o controle da compulsão por doces.

LEIA MAIS: Alimentos Na Candidíase: 5 Coisas Que Você Não Deveria Comer!

3 Mitos E Verdades Sobre A Compulsão Por Doces

Os açúcares e os carboidratos, além de prejudicar a dieta de muitas pessoas, também podem trazer males ainda maiores para a saúde.

Um exemplo, são os diabéticos, que fazem parte de um grupo de pessoas que sofrem muito com o consumo de açúcares. Assim, ter conhecimento de estratégias que realmente funcionam e controlam a compulsão por doces pode melhorar a sua qualidade de vida.

Então, confira a seguir os principais mitos e verdades a respeito do assunto!

Comer doces após as refeições não diminui a vontade de comer mais!

Ao contrário do que muita gente acredita, comer doces após almoços e jantas não é o mais indicado.

A explicação disso é que esse comportamento pode se tornar um hábito. Portanto, a vontade de comer doces vai aparecer sempre que a pessoa fizer uma grande refeição.

Porém, caso você realmente não consiga cortar esse hábito, tente ao menos consumir uma fruta ( com a casca). Além disso, se não adiantar, você pode consumir o seu doce de vez em quando, mas em pequena quantidade!

Substituir doces por frutas e oleaginosas funciona!

Apesar de ser uma técnica que apresenta resultados positivos, indica-se que a substituição aconteça aos poucos para evitar o efeito rebote. Nesse sentido, pequenas alterações podem ser feitas no início, como preferir frutas secas a doces industrializados.

Alguns alimentos ajudam a diminuir o desejo por açúcar!

Como os doces estimulam a produção de hormônios responsáveis pelo bem estar, é válido consumir outros alimentos mais saudáveis que também cumprem esse papel!

Dessa maneira, alimentos como bananas, peito de frango, amendoim e feijão podem evitar que o corpo sinta necessidade de produzir mais hormônios responsáveis pelo prazer.

Logo, os níveis desses hormônios se mantêm estáveis e a compulsão por açúcares pode diminuir drasticamente.

LEIA MAIS: Xô, Tristeza! 9 Alimentos Que Irão Turbinar O Seu Humor!

Gostou desse artigo? Leia mais sobre dicas sobre saúde em nosso site. Clique aqui e confira!

dietadocesdoces são inimigos da dieta