Curiosidades

Afinal, a bucha vegetal é comestível? A resposta pode te surpreender!

Afinal, a bucha vegetal é comestível? A resposta pode te surpreender!
By     -   On

Você já ouviu falar na bucha vegetal? Aquela mesma que utilizamos para limpar o corpo durante o banho e esfoliar a pele também pode ser uma opção diferente na culinária.

A Luffa cyllindrica, como é cientificamente chamada, é um legume comestível quando está verde e pode ser utilizada em diversos preparos. Mas não é só na culinária que a bucha vegetal tem sua história curiosa. Além de sua versatilidade, ela também é rica em nutrientes e pode trazer benefícios para a saúde.

Bucha comestível

A bucha vegetal é um ingrediente versátil que pode ser usado tanto na higiene pessoal quanto na culinária.

Luffa cyllindrica

Cientificamente chamada de Luffa cyllindrica, a bucha é um legume que pertence à família das cucurbitáceas, assim como a abóbora e o pepino. Quando está verde, a bucha pode ser consumida em diferentes preparos. Por exemplo, refogada com carne, soja e outros legumes, em conservas, molhos ou até mesmo crua.

LEIA MAIS: ESTE é o truque que você precisava para cortar a cebola sem chorar!

Rica em nutrientes

Além de ser uma opção diferente e saborosa na culinária, a bucha verde é rica em nutrientes, como a vitamina A, antioxidantes e minerais como manganês, potássio e cobre. Esses nutrientes podem trazer benefícios para a saúde. Por exemplo, proteger a função hepática, auxiliar na melhora da visão e no alívio de constipações. Por isso, é uma boa opção para quem busca uma alimentação saudável e equilibrada.

Variedades de bucha

É importante destacar que nem todas as variedades da bucha são comestíveis. A buchinha do norte, por exemplo, é tóxica e não deve ser consumida. As versões comestíveis são a lisa e a bucha de costela, mais encorpadas e suculentas.

Contexto histórico

Por fim, a bucha vegetal também tem uma história curiosa na higiene pessoal. Ela se popularizou na Europa no final do século XIX. Isso foi quando o naturopata alemão Louis Kuhne difundiu a ideia do “banho de fricção”, utilizando a bucha vegetal como acessório para higiene.

Gostou deste artigo? Então confira muito mais no portal Brazil Greece!

Agência Texty

Agência Texty é uma equipe de redatores profissionais especializados em marketing de conteúdo, produção de conteúdo para web, inbound marketing, estratégias de SEO avançadas.