Notícias

Cidade italiana pede que moradores comecem a tomar banho de chuveiro

Cidade italiana pede que moradores comecem a tomar banho de chuveiro
By     -   On

A cidade de Treviso, no norte da Itália, tomou medidas para proteger seu abastecimento de água em meio a uma seca alarmante. E uma dessas medidas é pedir aos cidadãos que parem de tomar banho de banheira e comecem a poupar água com o chuveiro.

Prefira tomar banho de chuveiro e economizar água

À medida que o abastecimento de água da área diminui, o governo municipal de Treviso lançou uma campanha para incentivar os moradores a escolherem um chuveiro em vez de uma banheira.

As mensagens do governo enfatizam a importância de “Prediligere la doccia anziché il Bagno in vasca” (prefiro uma ducha em vez de uma banheira). O que aumenta a conscientização sobre o consumo responsável.

LEIA MAIS: Brasileira compra 3 casas na Itália por 16 reais e diz a técnica que usou

Diferença entre o consumo de água para banho e duche

Segundo a Agência de Proteção Ambiental dos EUA (EPA), são necessários cerca de 70 galões de água para encher uma banheira. Enquanto, em comparação você precisa de 10 a 25 galões para um banho de cinco minutos.

Mesmo que nem todas as banheiras estejam completamente cheias, os números mostram que as banheiras usam mais água do que os chuveiros.

Resíduos e exceções permitidas

O objetivo desta iniciativa da cidade de Treviso não é apenas economizar água, mas também informar a população sobre a importância de preservar os recursos naturais.

A seca tem causado preocupação na região, e tais medidas são necessárias para garantir o abastecimento adequado de água para a população.

Além da recomendação para a escolha do chuveiro, a legislação proíbe encher piscinas para fins recreativos, lavar carro com mangueira no quintal e qualquer outro tipo de lixo.

LEIA MAIS: Teste de personalidade: escolha um perfume e veja um segredo sobre você

Medidas implementadas e efeitos a longo prazo

Essas medidas são implementadas nos municípios de Breda di Piave, Carbonera, Maserada sul Piave, Ponzano Veneto, Silea e Villorba para preservar os recursos hídricos em tempos de escassez.

A sensibilização e colaboração de todos os munícipes é fundamental para o sucesso desta iniciativa.

Com esta campanha, a cidade de Treviso quer não só enfrentar a seca atual, mas também promover uma mudança de hábitos a longo prazo e incentivar os habitantes a adotarem práticas mais sustentáveis ​​em relação ao consumo de água.

Para conservar os recursos naturais e garantir um futuro melhor para todos, cada pequena ação conta.

Gostou deste artigo? Então, confira vários outros semelhantes aqui no site Brazil Greece!

Agência Texty

Agência Texty é uma equipe de redatores profissionais especializados em marketing de conteúdo, produção de conteúdo para web, inbound marketing, estratégias de SEO avançadas.