6 Comidas do nosso dia a dia que são muito tóxicas para os cachorros – Veja!

Conheça e evite acidentes dentro de casa!

Sabemos o quanto nossos queridos cachorrinhos são grandes amigos, divertidos, espertos e amigáveis. No entanto, também sabemos que quando se trata de comida, esses animais podem ser bem oportunistas e rápidos. Um pequeno pedaço de carne que cai ao chão rapidamente já é devorado por estes animais. No entanto, é preciso ter atenção especial, pois existem algumas comidas tóxicas para cachorros. Esses alimentos são de consumo comum do nosso dia a dia e podem ser ingeridos por acidente. Confira!

6 Comidas tóxicas para cachorros que você deve evitar!

Chocolate

O tão querido chocolate, por mais que seja atraente para o olfato dos animais, é extremamente tóxico para os cachorros. Ele possui uma substância chamada teobromina, que é venenosa para os cães, causando insuficiência renal.

Cebola, cebolinha e alho

Usados diariamente na culinária, estes alimentos nunca devem ser oferecidos para os cachorros. Além de causar grande irritação no estômago e intestino, a cebola, cebolinha e o alho também podem afetar os glóbulos vermelhos dos cachorros, provocando danos que nem sempre são facilmente identificáveis.

LEIA MAIS:

Espiga de milho

Cães adoram milhos, eles são extremamente nutritivos e podem ser incluídos na alimentação do pet. No entanto, a espiga de milho pode ser fatal para estes animais, já que facilmente podem provocar um bloqueio de seu intestino. Portanto, ao oferecer milho, sempre ofereça ele debulhado.

Abacate

O abacate é muito nutritivo para os humanos, sendo uma importante fonte de gordura monoinsaturada. Porém, para os animais, a substância conhecida como persina é tóxica, provocando diarreia e vômitos.

Uvas e passas

As uvas e passas são grandes favoritas para o lanche da tarde. Porém, o cuidado deve ser redobrado para que os cães não comam estas frutas! Seu consumo pode levar a sérios danos no fígado e insuficiência renal.

Ossos cozidos faz parte das comidas tóxicas para cachorros

Por fim, os ossos cozidos são frequentemente oferecidos para os animais. Porém, você sabia que o correto é ofertar o osso cru? Quando cozinhamos os ossos, ele pode ser facilmente estilhaçado, e suas pontas ao ingeridas podem perfurar o intestino do animal. Além disso, grande quantidade de osso cozido é responsável por provocar prisão de ventre.

Gostou desse conteúdo? Então confira muito mais no site Brazil Greece para ficar por dentro das novidades!

você pode gostar também

Comentários estão fechados.