Conheça os três golpes na internet mais comuns no Brasil; veja como se proteger!

Internet de forma segura

Você também sente medo de utilizar certos potenciais da internet por conta da possibilidade de sofrer ataques? Antes de tudo, saiba que você não está sozinho. Porém, existem formas de se proteger desses riscos de forma bem eficiente. Uma dessas formas é ter conhecimento sobre o que são esses riscos. Portanto, para te ajudar com esse tópico, preparamos este artigo com os golpes na internet mais comuns. Confira na íntegra!

3 Golpes na internet muito comuns no Brasil – Saiba como se proteger!

1. E-mail com sua senha ou com ameaças de estornos

Não é incomum receber e-mails de contas anônimas sobre a possibilidade de ter sido hackeado e ter suas informações lançadas na internet. Muitos criminosos afirmam que possuem imagens e vídeos comprometedores sobre o usuário e como prova, mostram a senha do e-mail.

Mas, como eles conseguem essa senha?

Bom, infelizmente, nem todos os sites e plataformas digitais são seguros. Então, ao vincular o seu e-mail a algum site, corre-se o risco de a senha ser vazada.

Mas, fique tranquilo. Você ainda poderá alterar a sua senha e garantir a segurança do seu e-mail. Não se assuste tanto ao ver que possuem sua senha, isso não prova que eles obtêm outras informações contra você. Apenas mude sua senha e alerte as autoridades.

LEIA MAIS: É Possível Ganhar R$ 550 No PicPay Agora Mesmo? Veja Como Conseguir!

2. Dados no WhatsApp

Ao falar com alguma empresa, tenha muito cuidado ao oferecer os seus dados pessoais. Dificilmente uma empresa entrará em contato com você sobre informações pessoais por meio do WhatsApp. Atente-se ao português e ao uso de emojis no meio das mensagens. Em caso de dúvida, entre em contato com o telefone da empresa e verifique.

LEIA MAIS: CAIXA Está Oferecendo Empréstimo De Até R$ 100 Mil – Veja Aqui Como Solicitar!

3. Ligações de bancos

Em hipótese alguma acredite que os bancos ligarão para você em busca de algum dado da sua conta. Quando isso acontecer, desligue o telefone e retorne para um número conhecido do seu banco ou gerente.

Então, pergunte sobre a ligação que foi feita e se era algo oficial ou não. Caso seja, o banco pedirá que você se direcione para a agência para obter os dados, não pelo telefone.

Se você gostou desse artigo e quiser saber mais, não deixe de conferir outros textos interessantes no site Brazil Greece.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

Este website utiliza cookies para tornar sua experiência ainda melhor! Se você continuar a usar este site, assumiremos que você está de acordo com isso. Aceitar Ler Mais