6 Mosteiros Medievais de Meteora que Quase Tocam o Céu!

Meteora é uma área no noroeste da Grécia e, especificamente, na Tessália, que pertence a Kalambaka, uma cidade em Trikala.

Neste post, compartilhamos com você as melhores coisas que você pode fazer em Meteora para ajudá-lo a aproveitar ao máximo o seu tempo neste lugar emocionante.

Antes de mais nada, o que torna este lugar tão especial são as enormes rochas de arenito que se erguem verticalmente do solo, criando uma surreal “floresta rochosa” e um cenário de filme.

Inclusive, você não vai acreditar no que está vendo quando vir esses pilares gigantes acima de sua cabeça!

Além disso, o nome “Meteora” significa “elevado” ou “flutuando no ar”, o que capta perfeitamente a essência deste lugar.

Por fim, hoje Meteora é uma atração mundialmente famosa e um dos pontos turísticos mais importantes e magníficos da Grécia.

Um pouco de história…

Mosteiros de Meteora.

Uma viagem a Meteora não estaria completa sem visitar os antigos mosteiros bizantinos construídos no topo das rochas monolíticas.

Inclusive, houve um tempo em que 30 mosteiros operavam nessas rochas.

No entanto, durante a ocupação turca, muitos deles foram saqueados e depois desapareceram dos holofotes.

Hoje Meteora hospeda apenas 6 desses mosteiros medievais.

Embora o acesso possa parecer difícil, escadas foram esculpidas nas rochas e pontes foram construídas para facilitar a entrada dos visitantes nos mosteiros.

Porém, no passado o acesso era muito mais complicado e o único meio de transporte eram cordas, cestos e escadas removíveis.

Mas os monges eremitas, que construíram os mosteiros entre os séculos 14 e 16, escolheram esses locais inacessíveis por um bom motivo. Pois buscavam solidão e um lugar para se esconder dos ataques turcos.

Embora os mosteiros já pareçam impressionantes por fora, seus interiores são igualmente fascinantes.

Inclusive, assim que entrar nos belos pátios e nas misteriosas salas com os antigos afrescos, sob o fundo musical dos salmos bizantinos, você se sentirá como se tivesse feito uma viagem à Idade Média.

Por fim, a experiência da atmosfera pacífica que prevalece nos mosteiros é definitivamente uma das melhores coisas que você pode fazer em Meteora.

Então, quais são os mosteiros de Meteora?

Mosteiro Sagrado de Megalo Meteoro (Megalo Meteoro)

Mosteiros de Meteora: Megalo Meteoro.

Antes de mais nada, este é o maior, mais antigo e mais visitado dos seis mosteiros ativos de Meteora.

Além disso, também recebe o nome de “Megalo Meteoro” (“Grande Meteoro”) e fica no topo da rocha mais alta de Meteora, que atinge quase 600 metros, e é chamada de Platis Lithos.

Outro detalhe é que para chegar lá é preciso subir 115 degraus.

Inclusive, a caminhada ao redor do mosteiro faz você se perguntar como os monges conseguiram construir algo tão majestoso usando apenas cordas e escadas!

Mosteiro Sagrado de Varlaam

Mosteiros de Meteora: Varlaam.

O Mosteiro de Megalo Meteora pode até impressionar pelo seu tamanho.

Mas diríamos que o mais belo mosteiro de Meteora é o Mosteiro de Varlaam.

Sua fundação ocorreu no século XIV e a sua reconstrução, no século XVI.

Além disso, é o segundo maior mosteiro de Meteora.

Ainda, não deixe de visitar o Museu Varlaam, onde você pode aprender sobre a rotina diária dos monges e os procedimentos necessários para se tornar um monge.

Santo Mosteiro Ágia Tríada

Mosteiros de Meteora: Ágia Tríada.

Situado no topo de uma enorme rocha vertical, o Mosteiro Ágia Tríada é realmente impressionante.

Mas também o de acesso mais difícil.

Para chegar ao Mosteiro Ágia Tríada, primeiro você deve seguir o caminho até o sopé da rocha e depois subir 140 degraus.

Além disso, se você é fã de James Bond, com certeza vai querer ver este convento, pois foi um dos locais de filmagem de “007 – Missão Ultrassecreta” ( “For Your Eyes Only”).

Mosteiro Sagrado de Roussanou

Mosteiros de Meteora: Roussanou.

Este Mosteiro foi construído no final do século XVI e é um dos dois mosteiros de Meteora habitados por freiras.

Ele está localizado em uma rocha mais baixa do que os outros mosteiros, o que permite admirar a paisagem circundante de um ângulo diferente.

Mosteiro Sagrado de Agios Stefanos

Mosteiros de Meteora: Agios Stefanos.

O Mosteiro de Agios Stefanos é o mais acessível e não requer caminhadas, o que o torna uma escolha ideal para visitantes com problemas de mobilidade.

Como o Mosteiro de Roussanou, este mosteiro do século 16 é habitado por freiras.

Mosteiro Sagrado de Agios Nikolaos Anapafsas

Mosteiros de Meteora: Agios Nikolaos Anapafsas.

Este mosteiro foi fundado no final do século XIV e é o menor dos seis mosteiros localizados em Meteora.

No entanto, rouba a cena por ser construído sobre uma rocha estreita com uma área limitada, razão pela qual consiste em vários andares um sobre o outro.

O código de vestimenta dos mosteiros de Meteora

Para entrar nos mosteiros, você deve estar vestido com recato.

Isso significa que você deve evitar shorts, camisetas sem mangas e saias curtas.

Embora para os homens, as calças sejam recomendadas como adequadas, o mesmo não se aplica a mulheres, que devem usar saias longas.

Antes da era Covid-19, os mosteiros costumavam fornecer saias e calças para aqueles que não atendiam às especificações.

Porém, vimos várias pessoas que não seguiram essas regras.

Você poderá entrar no mosteiro mesmo que não esteja usando as roupas adequadas, porém, por respeito e só é bom seguir as regras.

Explore Kalambaka e Kastraki

A cidade de Kalambaka e a vila de Kastraki ficam no sopé de Meteora e definitivamente vale a pena visitar estes lugares pitorescos.

Kalambaka é uma cidade de 12.000 habitantes com muitos restaurantes, bares, padarias, postos de turismo, lojas de presentes e outros pequenos negócios.

Umas das melhores coisas que você pode fazer em Kalambaka é apenas caminhar na rua principal de Trikala para explorar a culinária local ou tomar um coquetel nos bares cosmopolitas.

Nas noites de fim de semana, a rua fica movimentada com moradores e turistas.

Você também pode visitar o Museu do Cogumelo de Kalambaka.

Como chegar a Meteora saindo de Atenas

Como ir de Atenas a Meteora.A maneira mais fácil de chegar a Meteora saindo de Atenas é de trem.

A viagem dura cerca de 4 horas e os trens partem da estação Larissa (Estação Ferroviária de Atenas, em grego: “Σιδηροδρομικός Σταθμός Αθηνών”).

Embora existam trens que levem você diretamente para Kalambaka, em alguns casos você precisará trocar de trem na estação de Paleofarsala.

O custo da viagem varia entre 30-36 euros (os preços podem sofrer alterações).

Ao procurar os bilhetes de trem, lembre-se de que não existe uma estação chamada “Meteora”.

O destino que você deverá procurar é “Kalambaka“.

Se preferir viajar de carro de Atenas a Meteora, terá de viajar cerca de 350 km, o que tem uma duração média de 4 horas.

Como chegar a Meteora saindo de Thessaloniki

Como ir de Tessalônica a Meteora.

Para chegar a Meteora de b, você deve chegar à estação ferroviária de Thessaloniki chamada “Nova Estação Ferroviária” ( “Νέος Σιδηροδρομικός Σταθμός).

O metrô de Thessaloniki ainda não está pronto, então suas opções são pegar um táxi ou o ônibus OASTH.

Se você chegar a Thessaloniki de avião, pegue do aeroporto o ônibus da linha 78 (ou 78N à noite) e desça na estação de trem.

Esta é provavelmente a maneira mais fácil de chegar à estação.

Na estação ferroviária, você pode escolher um dos trens para chegar a Kalambaka.

Kalambaka é um terminal, se você embarcar em um trem direto, não precisará se preocupar em descer na estação certa. Pois ela será a última!

Porém, fique atento, pois alguns serviços de trem fazem troca na estação Paleofarsala.

Ou seja, você precisa saber se o seu trem é direto ou não.

Acomodação em Meteora

Mosteiros de Meteora.

Kalambaka e Kastraki têm vários albergues, hotéis, airbnb e quartos.

Para encontrar acomodação mais barata, você deve fazer uma reserva com antecedência e escolher acomodação por pelo menos 2-3 dias.

Porém, um dia inteiro em Meteora é o suficiente para imortalizar este lugar que parece que foi tirado de outro planeta.

Por fim, diríamos que as rochas e construções de Meteora nos lembrou muito Ronda em Andaluzia, na Espanha.

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este website utiliza cookies para tornar sua experiência ainda melhor! Assumimos que você está de acordo, mas você pode não aceitar caso prefira. Aceitar Ler Mais