Cultura

Remédio para ressaca encontrado em escritos gregos antigos

Remédio para ressaca encontrado em escritos gregos antigos
By     -   On

Em uma incrível viagem ao passado, pesquisadores desvendaram um segredo escondido nos papiros da cidade egípcia de Oxyrhynchus: um antigo remédio para ressaca. Estes textos, datados do século II, são um testemunho da medicina praticada há milênios. Mas, qual era o remédio para a ressaca encontrado em textos gregos antigos? Confira a seguir!

Remédio para a ressaca, segundo textos gregos antigos

De acordo com os papiros, os antigos gregos utilizavam um método natural para combater a dor de cabeça causada pela embriaguez. Eles acreditavam que um colar feito das folhas do arbusto Alexandrian chamaedaphne (Ruscus racemosus L.) poderia aliviar os sintomas da ressaca.

Os papiros de Oxyrhynchus, parte de uma coleção de mais de meio milhão de documentos, foram descobertos há aproximadamente um século pelos arqueólogos Bernard Grenfell e Arthur Hunt. Porém, a tradução desses antigos escritos é um processo meticuloso, com o volume mais recente revelando cerca de 30 textos médicos.

Leia mais: 7 dicas para ter autodisciplina como os espartanos

Os autores dos papiros antigos utilizaram extensivamente o conhecimento grego em suas obras. Essa influência se deu pela forte adesão à cultura helenística por parte dos habitantes de Oxyrhynchus na época. A cultura helenística se disseminou pelo Egito e Oriente Médio após as conquistas de Alexandre, o Grande.

Leia mais: O lugar em que Alexandre, o Grande relaxava e você pode visitar

Hoje em dia, os papiros médicos são propriedade da Egypt Exploration Society, uma organização dedicada à pesquisa e preservação da história e arqueologia do Egito. Esses documentos estão armazenados na Biblioteca Sackler da Universidade de Oxford, um local seguro e acessível para pesquisa e consulta.

Essa descoberta nos permite uma rara de olhar para o passado e entender um pouco as práticas médicas da época, podendo refletir sobre a evolução da medicina ao longo dos séculos. Assim, a busca por alívio da ressaca, um desafio comum ainda hoje, mostra como algumas preocupações humanas permanecem constantes através do tempo.

 

Konstantinos P.

Grego, morou na Grécia por quase toda a sua vida e em Londres por 3 anos. Trabalhou como Bar Manager, Bartender e Barista em Londres e na Grécia. Além de ter trabalhado nas melhores cozinhas e bares de Londres e da Grécia. Participou de renomados cursos na área e compartilhou o seu conhecimento com seus alunos pela Europa. Por ser apaixonado pelo seu país, encontrou por meio da escrita uma forma de compartilhar com os brasileiros o seu conhecimento sobre viagens, história, cultura, mitologia grega e culinária geral, trazendo o melhor da Grécia para vocês.