Saúde

4 alimentos que você NUNCA mais comeria se soubesse seus ingredientes

4 alimentos que você NUNCA mais comeria se soubesse seus ingredientes
By     -   On

É praticamente impossível manter a cadeia de produção da indústria alimentícia livre da invasão de insetos, roedores e pragas em geral. Embora existam sérios testes de qualidade, a verdade é que alguns invasores podem ser processados até se tornarem ingredientes inesperados em molhos, farinhas ou chás, por exemplo. Nesse sentido, alguns desses alimentos contém alguns ‘’ingredientes’’ bem nojentos e que, provavelmente, lhe farão desistir de comê-los — ou, pelo menos, te fará ficar mais atento(a). Portanto, veja a seguir quais são os alimentos que contém alguns “ingredientes” nojentos.

Alimentos que você não comeria se soubesse dos ingredientes

Brócolis

Ele pode ser servido cozido, cru ou assado. Sua versatilidade é encantadora, e o seu sabor agrada até quem não é muito fã de plantas. Porém, ao pegar uma porção de brócolis e colocá-la em uma lâmina de microscópio, parte do encanto pode ir embora.

Lá, é bem comum que você observe insetos minúsculos e ácaros vivendo entre as pequenas flores. Porém, como é quase impossível dissociá-los da produção, a agência de vigilância sanitária permite uma certa quantidade desses invasores que não representam ameaça à saúde, inclusive nas versões congeladas.

Barras de chocolate

Se você é do tipo ‘’chocólatra’’, talvez essa seja o item que mais lhe deixe triste em todo este artigo. Chocolates podem conter, em níveis predeterminados pela Anvisa, ovos e pedaços de insetos.

Por exemplo, no caso de uma barra de chocolate de tamanho padrão, é possível encontrar até 8 perninhas de inseto. Portanto, tente não pensar nisso quando estiver comendo alguma versão crocante desta sobremesa.

LEIA MAIS: 5 coisas que os restaurantes não querem que você saiba

Camarões

‘’Garis do mar’’. Em muitos estados, é assim que eles são denominados. Esse apelido se dá devido a sua versatilidade nutricional, que pode levá-los a acumular resíduos e compostos tóxicos dentro de si. Por isso, ao comprar uma marca desconhecida, atente-se, pois há grandes chances dele conter pesticidas e produtos químicos bioacumulados ao longo de muito tempo.

Limões

Se a vida lhe der limões, faça uma análise microscópica neles para garantir que eles não contêm doses além do permitido de fezes e coliformes fecais. Segundo estudos, ele é o alimento mais contaminado em cozinhas profissionais — e por isso é recomendado evitar rodelas de limão em cozinhas que você não conhece bem a procedência.

Se você gostou desse artigo sobre alimentos com “ingredientes” nojentos e quer saber mais, não deixe de conferir outros textos interessantes no site Brazil Greece.

Agência Texty

Agência Texty é uma equipe de redatores profissionais especializados em marketing de conteúdo, produção de conteúdo para web, inbound marketing, estratégias de SEO avançadas.