Notícias

Golpe do QR Code já está fazendo muitas vítimas: veja como se proteger

Golpe do QR Code já está fazendo muitas vítimas: veja como se proteger
By     -   On

A utilização do QR Code tornou-se amplamente difundida em estabelecimentos e na troca de informações na atualidade.

Sua popularidade advém da facilidade de visualização e compartilhamento, aliada à sua maior capacidade de armazenamento de dados, fatores que contribuem para seu notável êxito.

Contudo, é lamentável constatar que algumas pessoas mal-intencionadas exploram essa tendência, resultando no que agora é reconhecido como o “golpe do QR Code”.

QR Code

Embora seja uma tendência entre os estabelecimentos comerciais, e até mesmo entre as pessoas para compartilhamento de informações, poucas pessoas sabem o que exatamente é o QR Code ou como ele funciona, o que facilita a ação de bandidos que tentam aplicar o conhecido golpe do QR Code.

Exatamente, o QR Code representa uma evolução dos códigos de barras, caracterizando-se por sua capacidade expandida de armazenamentos de dados e uma complexidade superior.

Composto por até 40 variações, exibindo matrizes de tamanhos diversos, o QR Code oferece uma plataforma versátil e expansível para a codificação de informações.

Dessa forma, sua principal função é como redirecionador, abrigando links de páginas na Web, o que permite muito espaço para ação de bandidos.

LEIA MAIS: ESTES são os golpes que mais te fazem perder dinheiro  não seja uma vítima!

Como funciona?

O golpe do QR Code é relativamente simples, mas tem uma grande chance de causar vítimas. Ele se trata da adulteração de QR Code, comumente utilizado por instituições para pagamentos, e as encaminhando para sites falsos.

E embora simples, o fato de não saber em quais códigos confiar, já que a adulteração dentro dos próprios estabelecimentos já é uma ação comum. O golpe tem um alto potencial de enganar indivíduos, que nem tem noção de que estão sendo vítimas de um crime.

LEIA MAIS: Perdeu ou roubaram seu celular? Saiba tudo o que precisa fazer imediatamente

Como se manter protegido?

Dessa forma, algumas medidas devem ser tomadas, tanto pelo estabelecimento quanto pelos clientes, visando evitar cair no golpe.

  • Estar atento ao QR Code, embora a imagem seja complexa, a identificação de alguma imperfeição na imagem, pode alertar de uma possível alteração, e então notificar o estabelecimento;
  • Utilizar aplicativos de leitura de QR Code recomendados, geralmente do próprio smartphone, pois possuem a capacidade de identificar sites maliciosos;
  • Fique atento às informações pedidas na página, pois estabelecimentos legítimos, em geral, não pedem dados sensíveis ou pessoais.

Gostou deste artigo? Então, confira vários outros semelhantes aqui no site Brazil Greece!

Agência Texty

Agência Texty é uma equipe de redatores profissionais especializados em marketing de conteúdo, produção de conteúdo para web, inbound marketing, estratégias de SEO avançadas.