Curiosidades

4 sinais que comprovam que alguém não é tão inteligente quanto você pensava

4 sinais que comprovam que alguém não é tão inteligente quanto você pensava
By     -   On

A teoria das inteligências múltiplas de Gardner define que existem sete tipos de inteligências: lógico-matemática, linguística, intrapessoal, interpessoal, físico-cinestésica, espacial e musical.

Uma pessoa pode dominar várias dessas, e todas possuem, pelo menos, um pouco de cada uma.

Nem sempre, porém, as pessoas que se acham mais inteligentes que outras ao seu redor dominam todas essas inteligências. Às vezes, elas apenas exibem comportamento arrogante ou se enganam sobre si mesmas.

Sinais que comprovam que alguém não é tão inteligente quanto acha que é

Acreditam que sempre têm razão

Ouvir pontos de vista diferentes pode expandir seu rol de conhecimentos, ensinar a dominar a arte da conciliação e, de quebra, é uma forma de aprender sobre humildade.

Pessoas inteligentes são aquelas que têm verdadeira paixão pelo conhecimento, acima do orgulho e da vaidade, e por isso, conseguem admitir o mérito alheio e conceder-lhe a razão.

LEIA MAIS: Por que as pessoas têm inveja e como lidar com ela? Dicas que irão te ajudar!

Não gostam de sair da zona de conforto

Aprimorar inteligências vai contra ficar na zona de conforto por muito tempo. Lá, dificilmente os conhecimentos são aprimorados, e é por isso que pessoas inteligentes têm a habilidade de se adaptar às mudanças e, inclusive, gostam disto.

Não escutam verdadeiramente as pessoas

Pessoas inteligentes são boas ouvintes, pois ouvir as pessoas é a primeira forma que utilizamos para adquirir conhecimento, desde os primeiros meses de vida.

Por esse motivo, é importante saber ouvir. Seja quando outra pessoa sabe mais do que você sobre determinado assunto, ou quando ela está desabafando sobre questões subjetivas.

LEIA MAIS: 7 Coisas que pessoas felizes NUNCA fazem; e que você provavelmente faz!

Estão sempre ocupados

Estudos determinam que, devido ao excesso de informação advindo do uso massivo de redes sociais e do próprio modo de vida capitalista, as pessoas precisam de um tempo para não fazer nada, literalmente nada.

E isso envolve não ver notícias ou conversar com pessoas via chat. Esse tempo é importante para que as pessoas se conectem mais com seus pensamentos, façam reflexões ao invés de só consumir notícias e opiniões alheias, e consigam descansar o cérebro.

Isso estimula a criatividade e diminui níveis de ansiedade, o que é agregador para quem quer ser e se manter inteligente. Pessoas que se mantêm sempre ocupadas, porém, não têm tempo para descansar e refletir.

Gostou deste artigo? Então, confira vários outros semelhantes aqui no site Brazil Greece!

Agência Texty

Agência Texty é uma equipe de redatores profissionais especializados em marketing de conteúdo, produção de conteúdo para web, inbound marketing, estratégias de SEO avançadas.