Você compraria? 4 pedras preciosas que foram amaldiçoadas – veja suas histórias!

Embora sejam muito bonitas, essas joias carregam histórias assustadoras.

O que passa pela sua cabeça quando você ouve ou lê algo sobre pedras preciosas? Certamente você pensa em coisas como: beleza, sorte e riqueza, não é mesmo? Porém, existem algumas pedras preciosas amaldiçoadas. Acompanhe o post conosco para entender melhor que histórias são essas.

Pedras preciosas que foram amaldiçoadas

Não há um motivo específico para essas joias serem consideradas amaldiçoadas, mas cada uma delas carrega uma narrativa negativa.

Rubi do Príncipe Negro

Tudo começou quando Pedro, o Cruel, roubou a pedra de um sultão de Granada e deu a Eduardo, o Príncipe Negro. Pedro, após passar a pedra adiante, foi morto. Eduardo, por sua vez, foi vítima de uma bactéria e também faleceu. Com isso a pedra foi parar na coroa da rainha Elizabeth II.

Diamante Le Regent

O diamante Le Regent foi encontrado em 1608, em uma mina da Índia, por um homem escravizado. A joia, que é valiosíssima com seus 410 quilates, foi escondida em uma ferida dele para evitar sua perda, contudo, ela foi encontrada um tempo depois e ele foi morto.

LEIA MAIS: Você sabe por que nunca esquecemos como andar de bicicleta? Descubra aqui!

Diamante Eureka

Um fazendeiro holandês com destino à África do Sul encontrou o diamante Eureka enquanto buscava ouro e pedras preciosas no início do século XX. A pedra não é necessariamente amaldiçoada, mas sim a mina Kimberley, onde ela foi encontrada.

As pessoas passaram a acreditar nessa maldição uma vez que diversos mineiros morreram no lugar tentando sair de lá com pedras preciosas.

LEIA MAIS: Sorte não é com eles! Veja os 4 signos mais azarados – será que o seu é um?

Diamante Hope

O diamante Hope é o mais conhecido quando se fala em pedras preciosas amaldiçoadas. Ele ganhou essa fama depois que foi arrancado do olho de uma estátua da deusa Sita em um templo hindu.

O mercador francês Jean Baptiste Tavernier foi o primeiro a sofrer com a maldição. Logo após usar a pedra de 112 quilates, ele foi devorado por lobos. A pedra foi parar nas mãos do rei Luís XIV, que deu a ela o nome de Diamante Azul da Coroa.

Posteriormente, o diamante foi ofertado à Maria Antonieta. Todas as pessoas que tiveram o diamante Hope em sua posse morreram ou terminaram sua vida pobres.

E aí, gostou dessas curiosidades? Você usaria alguma dessas pedras? Continue acompanhando os conteúdos como esse no BrazilGreece.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

Este website utiliza cookies para tornar sua experiência ainda melhor! Se você continuar a usar este site, assumiremos que você está de acordo com isso. Aceitar Ler Mais