Como Era O Corpo Na Grécia Antiga?

Como já dissemos no artigo a respeito dos padrões de beleza da Grécia Antiga, não é nenhuma novidade que os gregos eram aficcionados pelo corpo humano.

Inclusive, não é à toa que usamos até hoje a expressão “deus grego” para se tratar de um homem com um corpo atlético e bela aparência. 

Os gregos tinham um lema ” Mente sã, corpo são”.

Na verdade, eles acreditavam que um corpo bonito estava associado a uma mente brilhante.

O Corpo na Grécia Antiga e os Jogos Olímpicos

Além disso, nos Jogos Olímpicos, os atletas gregos competiam nus.

Porém, não era uma questão de narcisismo, mas sim porque a nudez era considerada um sinal de força e coragem. 

Além do mais, sem o peso das suas roupas, eles se tornavam mais velozes.

Mas aqui vale acrescentar uma curiosidade, nos Jogos Olímpicos da Grécia Antiga os atletas passavam azeite de oliva no corpo para se destacar mais.

Os gregos e a sua obsessão pelo corpo humano…

Brincadeiras à parte, a verdade é que para os gregos, o corpo era muito mais do que uma questão de estética, pois representava todo um estilo de vida.

Os Espartanos e o corpo grego

O corpo na Grécia Antiga.

Mas ao falar do corpo grego, é claro que não poderíamos deixar de mencionar os guerreiros gregos.

E o que vem à nossa mente ao falar deles? 

Isso mesmo, os espartanos!

Os famosos guerreiros também eram obcecados pelo corpo e, acreditem se quiser, os espartanos treinavam até 8 horas por dia!

Mas não era apenas de treino que os antigos gregos viviam.

Pois eles também usavam a alimentação para cuidar do seu corpo.

Então, como era o corpo perfeito na Grécia Antiga?

O resultado de tanto treino era o que vemos em muitas das esculturas gregas: abdômen trincado, cintura fina, bíceps, glúteos e panturrilhas definidos.

Para Aristófanes, os traços do homem ideal incluíam: peitoral e ombros largos, pele clara, língua pequena, nádegas musculosas e falo pequeno.

Porém, quando se tratava de mulher, a coisa era diferente.

Acreditava-se que uma mulher bonita significava problemas.

Além disso, o ideal de corpo feminino da Grécia antiga se resumia a um corpo volumoso, com quadris largos e pele clara.

 

 

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este website utiliza cookies para tornar sua experiência ainda melhor! Assumimos que você está de acordo, mas você pode não aceitar caso prefira. Aceitar Ler Mais