7 Maravilhas do Mundo Antigo que você não vai acreditar que já existiram!

Todos os anos há um concurso para as 7 maravilhas do mundo, onde milhões de pessoas votam nas suas favoritas. Mas, você sabia que esse registro começou há muitos séculos? Confira a seguir quais são as 7 maravilhas do mundo antigo registradas pelos gregos antigos!

Assim, essas sete maravilhas do mundo antigo foram originalmente escolhidas por viajantes gregos que passavam por terras persas, babilônicas e egípcias.

Notas em guias de viagem, obras de arte e poemas sobrevivem até hoje.

Embora as listas das 7 maravilhas do mundo antigo já tivessem sido criadas desde o século V aC, o exemplo mais famoso foi desenvolvido por um escritor grego do século II chamado Antipater, que veio da antiga cidade de Sidon.

Antípatro apresentou essas conquistas do homem através da poesia.

Embora essas Sete Maravilhas do mundo antigo estejam listadas até hoje, o tempo e a intervenção humana conseguiram destruir todas, exceto uma, a Grande Pirâmide de Gizé.

Quais são as 7 maravilhas do mundo antigo registradas pelos Gregos

Grande pirâmide de Gizé

As 7 maravilhas do mundo antigo.

A Grande Pirâmide, a única maravilha ainda de pé, permaneceu como a estrutura humana mais alta do mundo por quase 4.000 anos.

Esta enorme pirâmide foi erguida por volta de 2560 aC. na margem oeste do rio Nilo para enterrar o faraó Khufu, conhecido como Quéops.

Além disso, é também conhecida como Pirâmide de Quéops, a mais antiga e maior das três pirâmides da Necrópole de Gizé, que faz fronteira com a moderna cidade de Gizé, no Egito.

As proporções da Pirâmide são colossais, mesmo para os tempos modernos. A altura original da base ao topo era de cerca de 147 metros. Enquanto hoje, com o desgaste do tempo, é de 138 metros. O comprimento de cada lado na base é em média de cerca de 230 metros.

Por fim, demorou cerca de 20 anos para construir a Grande Pirâmide de Gizé e 2,3 milhões de blocos de pedra para criar este monólito de 5,75 milhões de toneladas.

LEIA MAIS: Mitologia Grega: Descubra Como O Mar Egeu Recebeu O Seu Nome!

Jardins Suspensos da Babilônia

As sete maravilhas do mundo antigo: jardins suspensos da Babilônia.

Apesar de ser nomeado uma das Sete Maravilhas Antigas, não há muitas evidências em primeira mão de que os jardins realmente existiram.

Mas, aqueles que afirmaram ter visto os jardins, incluindo os historiadores gregos Strabo e Diodorus Siculus, os descreveram como maravilhas da engenharia agrícola.

Além disso, de acordo com historiadores gregos, os jardins suspensos da Babilônia consistiam em flores desabrochando, frutas deliciosas, plantas exóticas e cachoeiras impressionantes.

Por fim, de acordo com fontes sobreviventes, os Jardins Suspensos foram construídos por volta de 600 aC por Nabucodonosor II, que governou a Babilônia de 605 a 562 aC.

LEIA MAIS: Conheça Atalanta: A Incrível Corredora Da Mitologia Grega!

Estátua de Zeus

As sete maravilhas do mundo antigo.

Foi preciso o escultor mais famoso dos tempos antigos, Fídias, para criar uma estátua digna de celebrar o lendário deus Zeus. A técnica de Fídias baseava-se essencialmente na madeira, pois o corpo de suas estátuas era feito de madeira e embebido em um líquido especial para evitar que secasse.

Além disso, a madeira era coberta com camadas de placas de ouro e marfim, os olhos eram de pedras preciosas, enquanto o manto era de mármore coberto com folhas de ouro. Além disso, Zeus tinha na cabeça uma coroa de louros feita de esmalte verde.

Ainda, na mão direita, Zeus segurava uma estátua de ouro e marfim da deusa Nike. Enquanto na mão esquerda seu cetro, feito de vários metais e encimado por uma águia, era a marca registrada do deus.

Por fim, demorou 8 anos para concluir a construção desta estátua de 12 metros de altura. Infelizmente, foi destruída por um terremoto no século V aC.

LEIA MAIS: 11 Templos Gregos Antigos Que Existem Até Hoje!

Templo de Ártemis

Templo de Ártemis

Em Éfeso, uma antiga cidade grega agora na Ásia Menor, foi construído um templo que teria sido tão magnífico que fez com que Filo de Bizâncio dissesse:

“Vi as muralhas e os jardins suspensos da antiga Babilônia, a estátua de Zeus Olímpico, o Colosso de Rodes, o poderoso trabalho das altas pirâmides e o Mausoléu de Halicarnasso. Mas, quando vi o templo de Éfeso erguido nas nuvens, todas essas maravilhas foram encontradas na sombra”.

Este enorme templo foi construído para homenagear a deusa da caça, Ártemis. No entanto, passou por várias fases de destruição e reconstrução.

Além disso, sua reconstrução mais famosa foi concluída em 550 aC e tinha cerca de 115 metros de comprimento e 55 metros de largura. O famoso templo era sustentado por 127 colunas jônicas enquanto belas esculturas e pinturas adornavam seu interior.

A destruição final do templo de Ártemis foi iniciada por Heróstrato, um grego efésio das classes mais baixas que queria escrever seu nome na história.

Depois que ele foi torturado e executado, eles proibiram sua menção, até punindo com a morte qualquer um que apenas mencionasse seu nome.

No entanto, ele conseguiu o que queria, já que muitos escritores latinos e gregos divulgaram esse ato hediondo. Por fim, hoje apenas as ruínas deste templo sobrevivem!

LEIA MAIS: 10 Curiosidades Sobre Cleópatra Que Nunca Te Contaram! Confira!

Mausoléu de Halicarnasso

As 7 maravilhas do mundo antigo: Mausoléu de Halicarnasso.

O mausoléu foi projetado entre 353 e 350 aC. Pelos arquitetos gregos Satyros e Pythis.

Era o túmulo de Mausolo, sátrapa de Caria. A palavra “mausoléu” desde então tem sido usada para denotar uma grande e monumental tumba.

Esta magnífica obra foi construída para abrigar o corpo de Mausolo e sua esposa Artemísia.

Além disso, o mausoléu tinha cerca de 41 metros de altura e era adornado com intrincadas esculturas externas e preciosas obras de arte.

Embora tenha resistido por muitos séculos, foi destruída por uma série de grandes terremotos. Por fim, hoje, tudo o que resta são alguns pedaços espalhados de suas fundações.

LEIA MAIS: Medeia: Conheça A Poderosa Bruxa Da Mitologia Grega!

Colosso de Rodes

Quais são as 7 maravilhas do mundo: Colosso de Rodes.

Segundo a lenda, no século 4 aC. o deus Helios salvou o povo de Rodes de um cerco persistente pelo general macedônio Demetrius the Besieger.

Então, como expressão de gratidão ao seu deus patrono, o Sol, os Rhodianos ergueram o Colosso, uma gigantesca estátua de bronze que simbolizava sua liberdade e independência.

Esta estátua colossal foi feita pelo escultor Lindian Charis entre 292 e 280 aC. e atingiu 33 metros.

Porém, o Colosso durou apenas 56 anos, depois que um terremoto destruiu a estátua em 224 aC. No entanto, as ruínas permaneceram uma atração popular por mais de 800 anos.

Então, em 654 dC, 900 anos após o colapso do Colosso, piratas sarracenos saquearam Rodes e venderam o Sol desmembrado como metal.

Até hoje, a palavra “Colossian” significa em grego algo impressionante e grande em tamanho. Enquanto a mesma palavra também foi adotada pelos romanos, razão pela qual o Coliseu de Roma recebeu esse nome.

Existem moedas que retratam o Colosso com as pernas abertas para os navios passarem e outras que o retratam como a Estátua da Liberdade, cuja construção na verdade foi baseada no Colosso de Rodes.

LEIA MAIS: Panteão Grego: Um Grego Te Explica A Genealogia Dos Deuses!

Farol de Alexandria

As 7 maravilhas do mundo antigo: Farol de Alexandria.

Considerado uma obra-prima da engenharia, este antigo farol serviu de modelo para todos os faróis que se seguiram.

Foi construído em Pharos, uma ilha no porto de Alexandria, no Egito.

Por isso que ainda hoje o nome farol vem desta ilha, que também era conhecida como Kemet por seus antigos cidadãos.

O Farol de Alexandria foi concluído entre 285 e 247 aC. e tinha mais de 107 metros de altura. Além disso, serviu como um marco de navegação para os viajantes ao longo da costa egípcia.

No topo, um espelho foi erguido para refletir a luz do sol durante o dia. À noite, uma fogueira foi acesa para guiar os viajantes.

Esta construção foi iniciada pelo primeiro Ptolomeu após a morte de Alexandre, o Grande. No entanto, ele morreu antes que pudesse ver sua conclusão.

Coisa que não aconteceu com seu filho, que viu a obra concluída doze anos após o início de sua construção em 270 aC.

Por fim, depois das pirâmides do Egito, o farol de Alexandria é o monumento mais antigo da região que conseguiu ser salvo até sua destruição total por três terremotos ocorridos em 796, 1303 e 1323 dC.

Então, quais dessas 7 maravilhas do mundo antigo você já conhecia?

Gostou desse artigo? Então confira muito mais no site Brazil Greece!

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

Este website utiliza cookies para tornar sua experiência ainda melhor! Assumimos que você está de acordo, mas você pode não aceitar caso prefira. Aceitar Ler Mais